Família pede justiça após um ano de feminicídio em Ruy Barbosa. Acusado segue foragido;


A família de Debora Gonçalves de Carvalho entrou em contato com o Ruy Barbosa Notícias para relembrar do feminicídio que ocorreu há um ano no bairro Loteamento Osvaldo Batista, em Ruy Barbosa. Na época, no dia das mães de 2020, Debora com 30 anos de idade  foi brutalmente assassinada pelo ex-companheiro com golpes de faca. A família cobrou mais agilidade para pegar o acusado do feminicídio, que segue foragido. 


O site Ruy Barbosa Notícias entrou em contato com a delegacia de Ruy Barbosa e foi informado que toda investigação foi feita na época, inclusive tentativas de capturar o  acusado, porém o mesmo sempre fugia do local. Acredita-se que o mesmo era informado por familiares, dificultando o trabalho da polícia.


Feminicídio é um termo de crime de ódio baseado no gênero, amplamente definido como o assassinato de mulheres em contexto de violência doméstica ou em aversão ao gênero da vítima (misoginia), mas as definições variam dependendo do contexto cultural.


Foto de Nailson, pendente de mandado de prisão preventiva. (Divulgação Sinesp Cidadão_




Postagem Anterior Próxima Postagem

correspond