PRF apreende quase R$ 1 milhão em peças de vestuários sem nota fiscal na Chapada
.

 A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu dois veículos do tipo rodotrem carregado de produtos de vestuário, por fraude em documento fiscal, em Seabra. Na Chapada Diamantina, a 480 de Salvador. A ação aconteceu durante fiscalização em frente a unidade operacional da PRF, que tem como foco o enfrentamento à criminalidade.


Os policiais abordaram o veículo tipo rodotrem, questionado sobre a documentação fiscal da carga, o condutor apresentou notas de diversos remetentes, todas de origem de Santa Cruz de Capibaribe (PE).


Logo em seguida abordaram outro veículo do mesmo modelo, o condutor deste quando questionado sobre a carga, informou estar transportando roupas e apresentou várias notas fiscais de diversos emitentes, todos de Santa Cruz do Capibaribe-PE. Nenhum deles apresentou DAMDFE e DACTE para a viagem.


Ao notarem que os veículos iniciaram a viagem no mesmo município, e que ambos pertenciam a mesma pessoa, a equipe decidiu comparar as notas fiscais apresentadas e verificar as cargas, logo, constatou-se que as notas apresentadas por ambos eram exatamente as mesmas, e que as mercadorias presentes não eram as discriminadas no documento.


Não foi apresentado qualquer carimbo ou documento de desembaraço entre as divisas de PE e BA, caracterizando a fraude por sonegação fiscal.


Tanto os veículos, como a carga foram apreendidas na UOP Seabra para os trâmites necessários na Sefaz (Secretaria de Fazenda do Estado da Bahia).


Fique atento: Por causa da sonegação fiscal, o Brasil deixa de arrecadar bilhões em impostos por ano. Recolher menos impostos é o mesmo que dizer: “menos saúde, menos escolas, menos hospitais, menos segurança”.


A PRF disponibiliza o telefone 191 para denúncia. Faça sua parte! O anonimato é garantido.


Fonte: Nucom / PRF/BA



Postagem Anterior Próxima Postagem