Ruy Barbosa Notícias | O Portal de Notícias da Cidade!: MPE investiga candidaturas fictícias em Ruy Barbosa


MPE investiga candidaturas fictícias em Ruy Barbosa

O Ministério Público Eleitoral (MPE) instaurou um procedimento administrativo para apurar a existência de candidaturas fictícias de mulheres nas cidades de Macajuba, Lajedinho e Ruy Barbosa no pleito de outubro passado. A suspeita é que os partidos registraram candidaturas de mulheres apenas para preencher o mínimo de 30% que a Justiça Eleitoral exige. Outro indício da irregularidade foi o fato de as candidatas investigadas terem zero votos nas urnas. Se comprovadas as irregularidades, a prática pode ser considerada crime de falsidade ideológica eleitoral.



Agora, o MPE quer ter acesso a documentos como registro de candidautra e prestação de contas das candidatas. Em Lajedinho, são alvos da ação investigativa: Luciana Aparecida Costa dos Santos (PRB), Jusilene Silva Sampaio (DEM), Lucineide Alves dos Santos (DEM), Nelcy Oliveira dos Santos (DEM).

No município de Macajuba, são investigadas as candidaturas de Dinalva Paula de Almeida (PMDB), Taina dos Santos (PMDB), Ana Marta Pamponet de Sousa (PSD), Vania Pamponet de ALmeida (PSD), Analice Pereira dos Santos (PSC).

Em Ruy barbosa, as candidatas que se encaixam no perfil suspeito são: Adriana Nery da Silva, da coligação Unidos com o povo II; Luciana dos Santos Machado Dias; Ludimila da Silva Oliveira (PCdoB); e Luma Machado Dias (PTN).

As candidatas mencionadas e os presidentes dos partidos envolvidos terão o prazo de 10 dias para prestarem esclarecimentos e levar ao MPE provas dos atos políticos realizados em campanha. O ato investigativo foi instaurado pela comarca de Ruy Barbosa, através da promotora de Justiça Eleitoral Marisa Marinho Jansen Melo de Oliveira.

Texto Bocão News