Baixa Grande (BA) recebe mais de R$ 400 mil para obras de restabelecimento de ruas afetadas por fortes chuvas

Recursos serão aplicados no reassentamento e rejuntamento de paralelepípedos

Brasília (DF) – O Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR), por meio da Defesa Civil Nacional, autorizou, nesta quarta-feira (5), o repasse de mais de R$ 400 mil para ações de restabelecimento na cidade de Baixa Grande, na Bahia, castigada por fortes chuvas em fevereiro deste ano. Saiba mais neste link.

Os recursos serão aplicados no reassentamento e rejuntamento de paralelepípedos em diversas ruas do município, danificadas por impactos do desastre.

Os valores destinados a cada cidade são definidos por critérios técnicos da Defesa Civil Nacional e variam conforme o valor solicitado no plano de trabalho, magnitude do desastre e número de desabrigados e desalojados, entre outros parâmetros.

Como solicitar recursos

Cidades com o reconhecimento federal de situação de emergência ou de estado de calamidade pública podem solicitar ao MIDR recursos para ações de defesa civil. A solicitação pelos municípios em situação de emergência deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Com base nas informações enviadas nos planos de trabalho, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com o valor a ser liberado.

Capacitações da Defesa Civil Nacional

A Defesa Civil Nacional oferece uma série de cursos a distância para habilitar e qualificar agentes municipais e estaduais para o uso do S2iD. As capacitações têm como foco os agentes de proteção e defesa civil nas três esferas de governo. Confira neste link a lista completa dos cursos.

Assessoria de Comunicação Social



Compartilhar no WhatsApp

Postagens mais visitadas deste blog

CIPE Chapada prende homem com mandado de prisão em Ruy Barbosa

Dois homens morrem em acidente entre moto e veículo de prefeitura na Estrada do Feijão

Motoristas da Cidade Sol de Itaberaba, Ruy Barbosa e região podem parar atividades por reajuste salarial