Casal é preso em Milagres (BA) transportando 65 Kg de maconha dentro de veículo de passeio



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 65 quilos de maconha na madrugada desta quarta-feira (14) em Milagres, distante 245 quilômetros de Salvador. A droga era transportada no porta-malas de um Hyundai/HB20, abordado na BR-116. Um casal foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Passava das 00h10, quando policiais rodoviários federais deram ordem de parada ao HB20, conduzido por um homem de 20 anos.

O comando não foi atendido e teve início um acompanhamento tático que se prolongou na rodovia. O motorista tentou despistar a equipe, mas foi interceptado no pátio externo de um posto de combustível que fica às margens da pista.

Ao solicitar os documentos de porte obrigatório do motorista, os policiais perceberam que o condutor aparentava um nervosismo incomum e informações desencontradas em relação ao motivo e destino da viagem. Ele estava acompanhado de uma mulher de 22 anos de idade.

Desconfiados, os policiais decidiram fazer uma busca no automóvel. Ao vistoriar o porta-malas do carro, a equipe encontrou sessenta e dois tabletes de maconha, correspondente a 65 (sessenta e cinco) quilos da droga, causando um prejuízo de 65 mil reais ao crime organizado.

Questionado, o motorista relatou que foi contratado para transportar uma encomenda de São Paulo até Salvador. Disse ainda que receberia R$ 5.000,00 pelo serviço e só no meio do caminho ficou sabendo que a encomenda não se tratava de ‘coisa boa’.

Dada às circunstâncias, o casal foi preso em flagrante delito por tráfico de drogas (art. 33) previsto na Lei 11.343/2006. Os presos foram apresentados à autoridade policial de plantão da Delegacia de Polícia Civil, para formalização dos trâmites cabíveis.

A PRF na Bahia segue no propósito de desarticular a logística e enfraquecer o crime organizado com múltiplas ações operacionais espalhadas em todas as regiões do estado.

Postagem Anterior Próxima Postagem
Instagram Siga o Ruy Barbosa Notícias no Instagram

correspond