Ciclista morre após colidir com veículo na entrada do distrito da Matinha, em Feira de Santana

 A ciclista Daiane dos Santos Alves, de 32 anos, morreu após colidir com uma pick-up na manhã deste domingo (25) na entrada do distrito de Matinha em Feira de Santana.

Ela fazia um circuito acompanhada de outros ciclistas, quando se atrapalhou ao atravessar a pista e colidiu com um veículo Montana que vinha sentido Serrinha- Feira de Santana de placa HDQ- 8074, com licença de Feira de Santana.

O funileiro Anderson Nicolau da Silva, que estava no grupo de ciclistas e presenciou o acidente, contou a reportagem do Acorda Cidade que Daiane e os colegas saíram da Avenida Fraga Maia e pedalavam por dentro do distrito da Matinha com o objetivo de chegar até a bica do distrito de Maria Quitéria.


Ao sair da Matinha, eles pararam em um posto de combustível para esperar os outros membros do grupo e seguir viagem. Ao atravessar a pista com destino a Maria Quiteria, Daiane saiu na frente e foi a primeira a tentar atravessar. Ela se atrapalhou, não percebeu que a pista era de mão única e houve a colisão com a Montana.

Aqui está duplicando e não tem nenhuma sinalização. Ela achou que seria mão única e atravessou direto. O carro que vinha no sentindo Serrinha – Feira, colidiu com ela e com a pancada forte ela morreu na hora. O condutor do veículo não teve culpa nenhuma, ele vinha na mão dele. Ela se atrapalhou”, contou.


Daiane fazia parte do grupo de ciclistas ‘Sem Besteira’ e de acordo com informações de colegas, ele já trabalhou como motorista de ônibus e atualmente trabalhava como segurança.

o: Ed Santos/Acorda Cidade 


Cerca de 40 pessoas participavam do circuito de ciclismo.


Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.



Postagem Anterior Próxima Postagem

correspond