Devido ao aumento de casos de covid em Morro do Chapéu, prefeitura decreta toque de recolher

 O primeiro decreto do ano do município de Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina, administrado pela prefeita Juliana Araújo (PL), publicado na última segunda-feira (11), estabelece medidas de prevenção contra a covid-19. As ações temporárias são em razão do aumento dos casos da doença no município chapadeiro. A prefeitura determinou, por exemplo, o toque de recolher das 22h às 5h. A medida restringe a locomoção noturna de qualquer indivíduo, assim como a permanência e o trânsito em vias, em equipamentos e praças públicas.


De acordo com apuração do Jornal da Chapada, o decreto mantém a suspensão de shows, festas públicas ou privadas, e afins, independentemente do número de participantes. Todo e qualquer tipo de evento cultural e esportivo também está vedado. Em relação ao funcionamento do comércio, “fica autorizado, de segunda a sábado, das 5h às 20h, o funcionamento dos serviços essenciais, e, das 8h às 18h, o funcionamento dos serviços não essenciais”.

Quanto aos restaurantes e lanchonetes, o decreto permite o funcionamento até 22h. Os bares até 20h e hotéis somente com 75% da sua capacidade de hospedagem. Para igrejas e templos religiosos, fica permitido a realização de missas e cultos, porém deve ser respeitado o limite de uma pessoa por cada 1,5m².


Centros de estéticas e similares, funcionarão de segunda a sábado, até 18h, e com agendamento. Atualmente, o município de Morro do Chapéu tem 1.113 pessoas que já foram infectadas pelo novo coronavírus, sendo 14 ativos, 1.084 curadas e 17 óbitos por complicações da doença. Outras 34 pessoas estão com suspeita de contaminação.


Jornal da Chapada




Postagem Anterior Próxima Postagem

correspond