Projeto do laticínio da Coapechad é apresentado e é esperança para gerar emprego e renda para Ruy Barbosa e região

 



O presidente da Cooperativa Agropecuária da Chapada Diamantina Tácio Costa, apresentou hoje (04/03/2020) aos produtores da região dos três territórios envolvidos no projeto do laticínio da Coapechad e enfatizou o envolvimento do produtor rural no empreendimento, o qual foi recebido como a grande esperança do produtor de leite e garantia de produtos de qualidade para a população.

Com um investimento de mais de $4.000.000,00 vai gerar emprego e renda para nossa cidade e região. O projeto foi elogiado por todos os participantes com mais de 96 pessoas das cidades circunvizinhas como: Itaberaba, Iaçú, Santa Terezinha, Marcionilio Souza, Boa Vista do Tupim, Ibiquera, Lajedinho, Nova Redenção, Andaraí, Bonito, Wagner, Utinga, Morro do Chapéu, Tapiramutá, Piritiba, Mundo Novo, Macaúba e Baixa Grande.
A avaliação da diretoria da Coapechad foi de uma grata surpresa o enorme interesse de todos pelo projeto.

A COAPECHAD iniciou a apresentação do histórico de ações iniciadas a partir do ano de 2008 voltadas a discutir com os produtores de leite de diversas regiões os problemas comuns a todos e apresentando um caminho através de um projeto denominado "10 No Leite". Proposta de financiamento voltada a base Produtiva integrada a cooperativa.

A COAPECHAD através do projeto "10 No Leite" ouvir e cadastrou 510 produtores de leite em 11 municípios.

A segunda parte da apresentação focou na Nova Fábrica da cooperativa, tratou dos mercados disponíveis nos três Territórios (Piemonte do Paraguaçu, Chapada Diamantina e Bacia do Jacuípe), foi apresentado o portfólio de produtos que serão produzidos inicialmente capaz de atender o PE (Ponto de Equilíbrio) da indústria.

Também foram apresentados o DRE de Ancoragem e o Valor detalhado dos investimentos que estão sendo aportados para a Nova Fábrica da COAPECHAD e oportunidades foram apresentadas as condições para que os produtores venham a fazer parte da cooperativa adquirindo Cotas Parte.

Ao final foi apresentado um cronograma de expectativa da conclusão das obras e chegada dos equipamentos e foi aberta aos presentes a palavra para perguntas, sendo esclarecidas todas as dúvidas. Hoje foi dado um passo importante para a consolidação do projeto da COAPECHAD e a recuperação da bacia leiteira regional.


Postagem Anterior Próxima Postagem

correspond