Som do trio da Parada Gay atrapalha cortejo fúnebre e família passa por constrangimento em Ruy Barbosa

.

No último domingo dia 16 de setembro  a família da Sra. Nair de Jesus Santos passou por um momento de constrangimento durante  cortejo fúnebre.

Foi o que relatou os familiares da Sra. Nair que faleceu aos 90 anos de idade. Durante o cortejo fúnebre estava acontecendo a décima parada LGBT em Ruy Barbosa.  

A indignação  da família foi motivada pelo fato do trio continuar tocando enquanto o cortejo seguia em direção o cemitério local. 

" O trio da festa que teve ontem seguia em frente ao cortejo com o som ligado sem se importar com a dor dos familiares e amigos que lá seguiam." Foi o que relatou a neta da Sra. Nair.

O trio continuou tocando até os familiares entrarem  na Rua do cemitério.  

Confira um vídeo feito por uma jovem;

Postagem Anterior Próxima Postagem

correspond