Ruy Barbosa Notícias | O Portal de Notícias da Cidade!: Fotógrafo Noilton Pereira constrói casa para família carente com ajuda de amigos das redes sociais


Fotógrafo Noilton Pereira constrói casa para família carente com ajuda de amigos das redes sociais

Um sertão vivo e vibrante. Colorido através das lentes do fotógrafo Noilton Pereira, histórias são contadas e a solidariedade se multiplica em um lugar onde a beleza e a alegria de viver superam a pobreza e a desigualdade.  Há cinco anos, o radialista e fotógrafo amador Noilton Pereira, 45 anos, dá cor e vida a história de brasileiros comuns, castigados pela seca e falta de oportunidades na cidade de Ruy Barbosa, interior da Bahia.  


Talentoso, ele é autodidata e através de sua arte encontrou uma maneira de praticar a solidariedade. Atualmente, com a venda de suas fotos, o fotógrafo amador consegue ajudar 10 famílias carentes no sertão do Nordeste. Esse é o caso da família de Edinéia, menina de sorriso tímido e expressão marcante. Vivendo em uma casa de taipa, sem cômodos definidos, móveis ou condições básicas de saneamento, carinhosamente conhecida como “dona Nei”, tinham o sonho de morar em uma casa segura e com capacidade para abrigar toda família. 


A situação sensibilizou o fotógrafo, que com a ajuda de seus seguidores nas redes sociais, mobilizou uma vaquinha virtual e através de um site de financiamento coletivo conseguiu arrecadar um valor pra  construção da casa da família de Edineia. Com o apoio dos colaboradores, Noilton entrega nesta segunda-feira (15/10), uma casa com três quartos, duas salas, cozinha e banheiro, telhado resistente, piso, pintura e móveis.  



Essa família é a primeira a ser contemplada com a ação de cidadania, mas os planos de Noilton são de estender a realização desse sonho para outros lares. “Poder ajudar e mudar a realidade dessas pessoas que já considero como extensão da minha família é uma das maiores alegrias e motivações da minha vida”, declara o fotógrafo. 


Para conhecer mais sobre o trabalho do fotógrafo e apoiá-lo em futuros projetos.


Um comentário:

  1. muitos com tão pouco faz tanto, e muitos com muito não faz nada.
    a união faz a força

    ResponderExcluir